Aprendendo a escrever!


Quando o seu filho(a) está um bocadinho crescido, por volta dos seus 4 ou 5 anos, e começa a mostrar interesse pelo lápis, pelo papel, pela caneta…é chegado o momento de incentiva-lo à aprender. Mesmo que seu filho(a) seja pequenino e ainda não esteja na escola, você em casa pode estimula-lo a aprender a escrever, a aprender os números e muito mais. Basta que para isso você encontre material educativo que lhe permita faze-lo. 
As atividades podem ser impressas, facilitando assim o trabalho da mamãe.
Quando começar?


Por volta dos 4 anos as crianças começam a sua aprendizagem, normalmente com fichas de pré-escrita que as ajudam nos seus primeiros traços: linhas rectas, círculos … qualquer forma que lembre as formas das letras. Também aprendem o abecedário e a identificarem algumas letras. A primeira coisa que todas podem e devem aprender é a escrever o seu nome.
Com 5 anos aprendem a traçar e a identificar todas as letras e com 6 anos a escrever e ler sílabas e palavras simples, para que quando cheguem aos 7 anos saibam ler qualquer texto. Depois começam a aprendizagem das normas ortográficas.


Passo e passo



- Incentive o seu filho a fazer desenhos. Escrever não é outra coisa que dar forma ao nosso pensamento, mas não faz falta escrever para representar o nosso pensamento. Desenhar é o primeiro passo para colocar em prática a capacidade de abstracção. Por isso, é importante que desde que possam segurar um lápis que desenhem.
- Comece pelas vogais. A primeira coisa é ensinar-lhe as letras e o som que representa cada uma delas. O normal é começar com as vogais. Sente-se com o seu filho e trace com ele as 5 vogais em grande num papel em branco, uma e outra vez até que a criança consiga fazê-lo sozinha. Quando as tiver aprendido, continue com as consoantes. É um processo que dura muito tempo e, dessa forma, tem de ter paciência.
- A escrever palavras! Uma que a criança já sabe escrever e diferenciar as letras que compõem o abecedário, chega o momento de compor sílabas e palavras com elas. Primeira ensina-se como soa cada consoante com cada vogal (por exemplo o “b” com o “a”: “ba”, etc.). Depois há que fazer com que a criança perceba que uma palavra não é outra coisa que uma representação de um conceito. Uma boa ideia é dar-lhe uma imagem de um objecto simples e fazer com que escreva o nome desse mesmo objecto. Por exemplo, desenhar uma mesa e fazer com que escreva em baixo a palavra “mesa”.
- A chave está na paciência. Há que ter muita paciência e ir a pouco e pouco. Aprender a escrever é algo que sempre cria uma ilusão na criança, mas também é algo muito difícil que pode chegar a tornar-se muito frustrante. Tenha paciência e muito amor.
Linhas de produtos

- Pré-escolar: o objetivo principal é ajudar no desenvolvimento intelectual e motor da criança para uma ótima preparação para a futura etapa escolar.
- Escrita: através de exercícios lúdicos o aluno estará a reinar a sua mão para que esta adquira a soltura e a agilidade necessárias para alcançar uma escrita correcta.
- Operações e problemas: estão programados para ajudar no desenvolvimento intelectual do aluno, conseguindo segurança, domínio de cálculo e manejo dos números. O seu uso sistemático complementa e potencia as aprendizagens nos centros educativos.
Atividades de apoio

- O que mais ilusão pode criar numa criança é aprender a escrever o seu nome. Escreva-o você primeiro em grande com letras maiúsculas e depois ajude o seu filho a repeti-lo. Uma vez que o consiga, pegue no papel e coloque-o no quarto da criança para que veja o seu primeiro sucesso como escritor.
- Aprender canções sobre o abecedário.
- Procure DVDs educativos e programas de televisão nos quais ensinem as letras através de jogos, adivinhas, canções, etc.
- Existem puzzles que têm desenhado em cada peça uma letra do abecedário e um objecto que comece por essa mesma letra. Podem ser mais fáceis e muito bonitos. Compre um e ajude a criança a montá-lo ao mesmo tempo que pronuncia cada letra em voz alta.
- Quando vão na rua, no mercado … estejam onde estiverem, aproveite para ensinar a criança a observas as letras que a rodeiam.
- Se a criança já for capaz de escrever todas as letras, pode fazer listas de objectos, de animais, etc.
Se ensinar as letras ao seu filho, ele aprenderá a identificá-las e irá usá-las com maior facilidade quando começar a ler e a escrever. As crianças estão ansiosas por aprender, sobretudo as palavras que estão relacionadas com coisas da vida real.


3 comentários:

Vicente de Paula Mursci 08/03/2017 10:14  

Muito interessante, e educativo!

Vicente de Paula Mursci 08/03/2017 10:14  

Muito interessante, e educativo!

Vicente de Paula Mursci 08/03/2017 10:14  

Muito interessante, e educativo!

Postar um comentário

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Template Para Blogspot